Publicidade
Publicidade
Publicidade
Brasil - Mundo

FACEBOOK REMOVE 2,5 MILHÕES DE POSTS COM DISCURSO DE ÓDIO EM 6 MESES

Por Jonas Valente – Repórter da Agência Brasil  Brasília

O Facebook retirou do ar 2,5 milhões de publicações que foram identificadas como contendo discurso de ódio no primeiro semestre do ano. A informação foi divulgada no relatório de transparência da plataforma, publicado pela primeira vez na semana passada. O documento traz os resultados das ações de moderação de conteúdo praticadas pela empresa, como o monitoramento e a exclusão de mensagens publicadas.

A avaliação é feita com base em diretrizes estabelecidas pela companhia. Segundo elas, discurso de ódio é considerado “um ataque direto a pessoas com base no que chamamos de características protegidas: raça, etnia, nacionalidade, filiação religiosa, orientação sexual, sexo, gênero, identidade de gênero e doença ou deficiência grave”, além do status migratório. “Ataques” são “discursos violentos ou degradantes, declarações de inferioridade ou incentivo à exclusão e segregação”.

O Facebook também excluiu 3,5 milhões de conteúdos violentos. Estes são definidos nas diretrizes como uma mensagem “que exalte a violência ou celebre a humilhação ou o sofrimento de outras pessoas”. São permitidas publicações com imagens explícitas em alguns casos mas, segundo a empresa, “para ajudar as pessoas a gerar conscientização sobre algumas questões”. Saiba mais…

VEJA O QUE ESPECIALISTAS DIZEM SOBRE REMOÇÃO DE CONTEÚDO NA INTERNET

Por Jonas Valente – Repórter Agência Brasil  Brasília Na última semana, o Facebook informou, em relatório, ter retirado do ar 2,5 milhões de publicações que foram identificadas como contendo discurso de ódio no primeiro semestre do ano. O documento traz os resultados das ações de moderação de conteúdo praticadas pela empresa. No entanto, especialistas ponderam sobre a eficácia da remoção automática.... Saiba mais...

BARCO COM 25 AFRICANOS É RESGATADO NA COSTA BRASILEIRA

Por Juliana Cézar Nunes – Repórter da Rádio Nacional  Brasília Vinte e cinco africanos e dois brasileiros foram resgatados na noite de ontem (19) em alto mar por um barco pesqueiro cearense e levados para o cais de São José de Ribamar, no Maranhão. Os imigrantes são de nacionalidades diferentes: do Senegal, da Nigéria, da Guiné, de Serra Leoa e do Cabo... Saiba mais...

FACEBOOK CONDENA ATAQUES A AGÊNCIAS BRASILEIRAS DE CHECAGEM DE DADOS

Por Paulo Victor Chagas – Repórter da Agência Brasil  Brasília Uma semana após iniciar uma parceria com agências brasileiras de checagem de dados, o Facebook divulgou uma nota criticando os “ataques” que as organizações têm sofrido de movimentos autointitulados de direita. Segundo a rede social, as agências verificadoras das chamadas fake news são certificadas e auditadas por uma instituição... Saiba mais...

Publicidade